Conheça a história da marca Prada – Símbolo de Luxo e Sofisticação desde sua Criação

Muitas grifes se tornaram célebres com o passar dos anos, mas poucas já nasceram como símbolo de luxo e sofisticação, e esse é o caso da Prada.

Suas peças são vistas como verdadeiras joias pelos apreciadores da alta costura e até mesmo o Papa e o Diabo já vestiram Prada.

Saiba mais sobre a grife Prada

A realeza sempre vestiu Prada

Com o nome de Fratelli Prada, a famosa grife foi fundada em 1913 pelos irmãos Martino e Mario Prada.

Que já era reconhecido como artesão de bolsas desde aquela época.

A primeira loja tinha como endereço a Galleria Vittorio Emanuele II, um dos pontos mais visitados pela nobreza italiana.

Suas peças luxuosas e exclusivas, manufaturadas com matérias-primas consideradas raras e elegantes, como couro de leão marinho.

Fizeram o nome Prada ser conhecido por toda a nobreza europeia.

A fama da grife foi tanta que em 1919, suas peças foram adotadas pela Família Real Italiana.

Coroando-a como a mais requintada e luxuosa de toda a Itália.

Mulheres no Poder da Prada

Dizem que os irmãos Prada não admitiam que as mulheres da família se intrometessem nos negócios.

Porém, foram a filha e a neta de Mário Prada, Luisa e Miuccia, que tornaram a grife símbolo de luxo, elegância e sofisticação.

Mesmo passado mais de um século desde a sua criação.

Em 1958, o grande designer de bolsas faleceu. Com isso, Luisa Prada assumiu o comando da empresa, ficando no cargo por 20 anos.

Uma revolução guiada pelo amor

Em 1977, a Prada não estava indo muito bem.

Foi nesse momento complicado que Miuccia Prada passou a comandar boa parte dos negócios da empresa.

Enquanto ainda estava começando a entender o trabalho.

Um jovem comerciante que começava a prosperar no ramo de cintos e bolsas de couro, Patrizio Bertelli, entrou pelas portas de sua loja.

Dizem que poucas palavras depois, os dois se tornaram parceiros de negócio e, tempos depois, marido e mulher.

No ano seguinte, Miuccia se tornou a nova líder da grife.

Aconselhada por Bertelli, a jovem interrompeu a importação de couro inglês e passou a trabalhar em um redesign das bolsas da marca.

Com isso, surgiram as “tote bags”, uma espécie de mochilas e bolsas de viagem de luxo, que eram confeccionadas em nylon.

Leves, práticas e sofisticadas, essa coleção logo caiu no gosto das mulheres modernas, sendo usadas por diversas celebridades.

Década de 80 e volta por cima da marca Prada

Foi durante a década de 80 que a revolução da Prada realmente aconteceu.

A grande responsável foi uma bolsa simples, totalmente preta e com linhas básicas.

Pouco depois de lançada, a peça já era usada por atrizes, modelos e socialites, tornando-se rapidamente um item de desejo de todas as mulheres.

Em 1984, Miuccia expandiu os negócios da grife, criando a primeira linha de sapatos femininos.

Já em 1986, foram inauguradas as primeiras lojas da marca fora da Itália, em Madri e Nova York, seguidas de Paris, Londres e Tóquio.

Os críticos se rendem à Prada

Com linhas conceituadas como “austeras e puristas” pelos principais críticos do mundo da moda.

A coleção da Prada lançada em 1988 foi aclamada por todos e considerada um marco na história da grife.

Com visual intelectual e design que priorizava linhas retas, a marca se posicionava em contramão às roupas sensuais que suas concorrentes ofereciam.

Essas características tornou-se marca registrada da Prada, pelas quais é reconhecida até os dias de hoje.

Expansão e o século XXI

Na década de 90, Miuccia Prada começou uma forte expansão dos produtos oferecidos pela marca.

Primeiro, investiu na criação da MIU MIU, uma segunda linha da grife focada no público jovem.

Logo depois, veio a primeira coleção masculina, seguida de relógios, cosméticos, perfumes, roupas íntimas, decoração e bijuterias.

A última coleção lançada pela grife italiana possui o DNA da marca, mas mistura cores e materiais inusitados.

Criando um visual elegante e sofisticado, perfeito para a mulher do século XXI.

Gostou de conhecer a história da Prada?

Assine a nossa newsletter e receba em primeira mão como cada uma das marcas mais famosas do mundo se tornaram tão célebres.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *